Apostar em Ambas Marcam é uma boa?

Um mercado que vem crescendo muito recentemente é o de “Ambas Marcam”, também conhecido como “BTTS” (do inglês, both teams to score). Apostadores iniciantes ou de nível intermediário têm se dedicado a usar essa opção como uma forma de tentar alcançar a lucratividade. Mas será que é mesmo possível ganhar dinheiro com isso? Vamos analisar de forma objetiva o que essa categoria nos traz.

“Ambas Marcam” nada mais é do que apostar que os dois times em um jogo de futebol farão gols. Não importa se será 1 a 1, 5 a 5 ou 9 a 1, mas sim que as redes sejam balançadas dos dois lados. Outra opção é selecionar o “Ambas Marcam – não”, o que significa que você coloca seu dinheiro no fato de que pelo menos um dos times não marcará – aqui, você é vitorioso com 0 a 0, 1 a 0, 12 a 0 para qualquer uma das equipes. É um conceito bastante simples de ser entendido pelo grande público e até por isso tem feito sucesso.

Antes de mais nada, é necessário dizer que, assim como em todas as demais categorias existentes em qualquer esporte, a única forma de ser vencedor apostando em “Ambas Marcam” é com muito estudo. Abra o histórico recente das equipes, analise a tendência de marcar e de sofrer gols, veja qual é o estilo ofensivo e como isso se casa com como o rival se defende, preste atenção se os principais jogadores estarão em campo. Se você não fizer nada disso e decidir usar apenas a fé e o chute, as possibilidades para o longo prazo não serão positivas.

Como achar odds justas?

Existem fórmulas matemáticas que te ajudam a encontrar o que seria uma odd justa para esse mercado. Para isso, é necessário saber a porcentagem de vezes que as equipes marcaram e sofreram gols no campeonato. Vamos explicar isso e depois dizer porque não devemos nos prender apenas a isso.

Por exemplo: Atlético Mineiro x Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro 2018. Os donos da casa marcaram em 68% das partidas da competição, e sofreram em 75%, enquanto os visitantes marcaram em 82% e sofreram em 53%. Tira-se uma média entre anotados e sofridos de cada uma das duas equipes – 71,5 para o Atlético, 67,5 para o Palmeiras. Divide-se os dois números por 100 para que se chegue a um valor decimal (0,715 e 0,675) e multiplica-se um pelo outro para que se encontre a possibilidade dos eventos serem simultâneos – chegaremos a 0,48. Temos, portanto, 48% de chances de “Ambas Marcam” nessa partida.

A odd necessária (veja aqui para saber como calcular a odd baseada na porcentagem e vice versa) para ser lucrativo com apostas que serão vencedoras em 48% das vezes é de 2,08, e acima disso é o que precisamos encontrar para que seja justo colocar nosso dinheiro. A média nas casas está em cerca de 1,99, ou seja, uma proporção que é perdedora para o público. Além disso, nota-se que os números ofensivos do Atlético Mineiro são inflados pelo ótimo começo de campeonato que fez e que em vários de seus últimos jogos não conseguiu balançar as redes. Esse é mais um fator que demonstra que esse não é um fato provável de acontecer.

Agora que já analisamos a matemática desse mercado, vamos para outros fatores. Um ponto importante é que a maior parte das casas não permite que sejam apostados grandes stakes nele, e que as mais utilizadas pelos profissionais, que são as asiáticas, muitas vezes nem sequer o oferecem. O que concluímos disso é que é um mercado justo para quem está começando a carreira, utilizando as casas europeias que o têm como tradicional, mas que é difícil ser profissional sendo especializado nisso.

Também é difícil encontrar esse mercado em muitas competições, o que limita a amostragem que você tem à sua disposição. Claro que você poderá monitorar as ligas mais tradicionais do planeta, mas quando se fala em Campeonato Brasileiro da Série D, por exemplo, já é bem mais raro que seja oferecida essa opção. Esse é outro fator que tende a diminuir a lucratividade, já que o volume de apostas é muito importante para que ela aconteça de maneira sólida.

Se você quiser explorar o mercado de “Ambas Marcam”, não se esqueça de olhar atentamente para cada partida, utilizar os cálculos necessários sobre ela e os fatores externos que também podem interferir. Porém, nossa recomendação é que você não se prenda a isso. No longo prazo, será mais lucrativo e melhor para sua carreira se você dominar os mercados de handicap de gols ou handicap estilo europeu, tanto o comum como o asiático. Não só é possível apostar stakes maiores, como eles são oferecidos em mais casas.